(11) 2978-3368
2ª a 6ª das 9h às 18h

Técnico

Tipos de protocolos de e-mail existentes
Embora possa não parecer hoje, na era dos Smartphones, Tablets e Facebook, acho podemos concordar que o e-mail é uma tecnologia bastante revolucionária. O desenvolvimento do e-mail tornou uma safra inteira de métodos tradicionais de comunicação praticamente obsoletos. Mas por que isso importa? Mesmo que já exista há algum tempo, ainda é tão relevante quanto costumava ser. Com os usuários acessando e-mail em vários dispositivos, é importante entender como os protocolos de e-mail funcionam e permite desenvolver uma configuração de e-mail que tornará suas comunicações mais eficientes.

A seguir estão duas das perguntas mais comuns que recebemos sobre o assunto do protocolo de e-mail: Qual protocolo de e-mail é capaz de enviar e-mails? Qual protocolo envia e-mail para um servidor de e-mail? Vamos começar com o que acontece quando você recebe e-mails.

O que é IMAP?

IMAP (Internet Message Access Protocol), os e-mails são armazenados em um servidor remoto. Quando um usuário acessa sua conta por meio de uma conexão com a Internet, ele está conectado aos servidores do provedor de e-mail. O e-mail é transferido do servidor de recebimento para a caixa de entrada do destinatário em seu cliente de e-mail localizado em seu dispositivo - que na verdade não recebe nenhuma mensagem de e-mail. Uma das principais vantagens do IMAP - além de recuperar mensagens com acesso remoto a e-mail - é que ele permite que uma única conta seja operada e gerenciada por vários usuários, sem a necessidade de uma solução complexa. Para que o IMAP funcione, é necessário que uma das duas portas esteja aberta:

Porta 143: A porta IMAP padrão; isso permite que o protocolo de e-mail escute solicitações recebidas para sincronizar e-mails. O tráfego através desta porta é uma porta não criptografada.

Porta 993: Usada para IMAP sobre SSL (comunicação criptografada).

O que é POP3?

Ao contrário do IMAP, o POP3 (Post Office Protocol 3) baixa as mensagens de um servidor centralizado e as transfere para o cliente de e-mail do destinatário em seu dispositivo ou computador local. Isso permite que o destinatário baixe e-mails para seu cliente de e-mail, mas também se desconecte de sua conexão com a Internet e mantenha o acesso offline a todas as suas mensagens. Há uma série de vantagens para esta abordagem. Em primeiro lugar, a menos que você opte por deixar uma cópia de cada mensagem de e-mail no servidor de e-mail, isso libera uma quantidade significativa de espaço armazenando as mensagens e os arquivos na máquina local do usuário. Isso facilita muito o backup das mensagens de e-mail, além de tornar a pesquisa e a organização muito mais eficientes. Infelizmente, o POP3 também tem suas fraquezas. O Post Office Protocol 3, por padrão, pressupõe que apenas um único usuário está acessando o email dessa conta específica, o que significa que você precisará de uma solução alternativa se quiser vários usuários em uma única conta de email, que pode ser parcialmente resolvida usando o "deixar uma cópia das mensagens no servidor".

O POP3 requer um dos seguintes como a porta padrão para ser aberta:

Porta 110: É a porta não criptografada de acesso POP3; esta é a escuta/comunicações padrão.

Porta 995: Usada para conexões POP3 criptografadas.

Qual deles você deve usar? Depende inteiramente do motivo pelo qual você precisa de e-mail. A verdade é que não há nada que o impeça de usar vários protocolos de e-mail para acessar uma conta de e-mail - afinal, a tecnologia existe para isso. Normalmente o IMAP é usado quando você quer que as mensagens estejam sempre disponíveis, em qualquer lugar, via webmail ou qualquer computador, embora seja mais lento no dia-a-dia e, conforme necessita mais espaço no servidor, você precisa fazer um upgrade, com aumento de custos. Já o POP3 tem custos reduzidos pois você somente deixa armazenado no servidor durante um período de tempo, de 0 a 30 dias por exemplo, liberando espaço no servidor para novas mensagens e tornando seu computador o local de armazenamento de longo prazo, que teoricamente tem espaço ilimitado. Mas também requer uma boa rotina de backup, de preferência diário, em HD externo ou nas nuvens.

O que é SMTP?

Embora existam dois protocolos associados ao recebimento de e-mails, há realmente apenas um associado ao envio deles. SMTP (Simple Mail Transfer Protocol) é o método padrão para passar mensagens de e-mail de um servidor de e-mail para outro. Todo serviço de e-mail usa alguma variação desse protocolo ao enviar e-mails. Há mais uma diferença entre SMTP e IMAP/POP3: ao contrário dos dois últimos, não requer autenticação para funcionar. Embora os aplicativos de servidor SMTP modernos restrinjam a retransmissão, isso permite que um volume razoável de spam exista na Web e, eventualmente, chegue ao seu servidor de e-mail e, portanto, à sua caixa de entrada.

O protocolo SMTP também é responsável por notificações quando uma mensagem de email chega. Quando um remetente envia uma mensagem por e-mail, seu servidor SMTP envia comandos pelo cliente que especificam o endereço de e-mail do remetente e do destinatário, juntamente com a mensagem inteira e quaisquer anexos para o servidor de e-mail do destinatário e garante que os protocolos atendam à solicitação.

Existem duas portas que você precisa conhecer para o cliente Simple Mail Transfer Protocol:

Porta 25: Esta é a porta SMTP padrão. É uma porta não criptografada. Atualmente só usada para comunicação entre servidores (bloqueada nos provedores para usuários normais, em conexões caseiras).

Porta 465/587: A porta padrão para usar SMTP por meio de SSL (descontinuado, inseguro) ou TLS (moderno e seguro na versão 1.2 ou superior).

Como funciona a troca de emails na prática? 

O processo começa quando você envia um email, esse email é enviado para um servidor remoto encarregado do transporte de emails. O servidor usa software conhecido como Mail Transfer Agent (ou Message Transfer Agent). O MTA do remetente passa a fazer uso do protocolo do servidor SMTP no envio de e-mails para o MTA do destinatário, que passa a transmitir essa mensagem ao seu Mail Delivery Agent no servidor de recebimento. Uma vez que o MDA recebe o e-mail, ele espera que o usuário o aceite, o que é feito através de POP3 ou IMAP. Após o recebimento, ele chega à sua caixa de correio, onde os usuários recebem seus e-mails.


Mais textos


Como ter uma senha realmente segura?
O que é VPN?
Tipos de protocolos de e-mail existentes
Qual a diferença entre IPv4 e IPv6?

Todos os textos sobre técnico
Todos os textos
Telefone
CONTATO POR TELEFONE
2ª a 6ª das 9h às 18h
(11) 2978-3368
(21) 3005-3718
Whatspp
CONTATO POR WHATSAPP
2ª a 6ª das 8h às 20h
(11) 2978-3368
2003-2022 - InWeb® Internet & Consultoria Ltda - CNPJ 07.339.647/0001-91
O nome INWEB, bem como seu logotipo, são marcas registradas no INPI, válidos em todo o Brasil
Fale conosco pelo WhatsApp
Fale conosco pelo WhatsApp